Login


Remédios gratuitos E-mail

Todos os pacientes que fazem o tratamento pela rede pública do SUS - Sistema Único de Saúde têm direito a receber os medicamentos receitados pelo médico gratuitamente, sejam de baixo ou de alto custo.

Saiba como proceder:

MEDICAMENTOS DE BAIXO CUSTO:

  1. Portar o Cartão Nacional de Saúde - SUS (Sistema Único de Saúde). Qualquer cidadão poderá conseguir o Cartão SUS (na hora) em qualquer Unidade de Saúde da Prefeitura, mais próxima de sua residência, bastando apresentar cópias do seu RG, CPF e comprovante de residência.
  2. Para retirar o medicamento de baixo custo, o cidadão deve dirigir-se a qualquer Posto de Saúde da Prefeitura, munido dos seguintes documentos:
    a) Cartão SUS;
    b) RG e
    c) Receita médica do medicamento.

MEDICAMENTOS DE ALTO CUSTO:

  1. Informe-se na unidade de saúde onde você passou por consulta ou onde pegou o laudo médico sobre esse serviço. Somente neles você poderá fazer o pedido administrativo do medicamento. Depois, no endereço que lhe for indicado, você deve apresentar:
    a) Cartão do SUS;
    b) RG;
    c) Formulário fornecido (LME) e devidamente preenchido pelo médico do paciente e
    d) Receita médica em duas vias, do medicamento de alto custo.

Obs.: A retirada do medicamento de alto custo é feita mensalmente por um período de três meses, sempre acompanhada de nova receita médica. Decorridos os três meses, o paciente é obrigado a renovar o pedido por mais três meses, mediante o preenchimento outra vez, do Formulário mencionado no item c, além de exame laboratorial específico da doença, acompanhado de outra receita médica atualizada em duas vias.

Apesar de Mestinon (Brometo de Piridostigmina) não ser um medicamento muito caro, devido à baixa demanda, algumas farmácias o enquadram como medicamento de alto custo.


O Cartão Nacional de Saúde, ou Cartão SUS, é um documento pessoal que identifica o usuário do SUS, reunindo num cartão suas informações pessoais e outros dados. O Cartão SUS agiliza a marcação de consultas e exames, assim como o acesso a medicamentos.

As secretarias municipais de saúde são responsáveis por fazer este cadastramento. Desta forma, para obter o Cartão SUS, procure a Unidade Básica de Saúde mais próxima da sua residência, levando documentos como RG, CPF e PIS/PASEP (se possível) além de comprovante de endereço.


Conforme Portaria MS-SAS nº 29, de 10/05/10, retificada em 27.08.10, foi aprovado o Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas - Miastenia Gravis, além da Portaria 3.439 11/11/2010

Isso significa que, a partir dessas determinações, a MG é reconhecida como doença pelos órgãos federais, estaduais e municipais de todo o país, que devem assistir seus portadores no tratamento da patologia e define as diretrizes que orientem a conduta médica.

Abaixo relacionamos alguns links úteis para obtenção de medicamentos pela rede pública:


Todas as farmácias do Brasil, ligadas SUS, estão aptas para receber os processos de solicitação de medicamentos, para miastenia grave CID G70.0 e concedê-los, desde que preenchidos todos os requisitos necessários, constantes no protocolo.
Para quem está encontrando problemas em adquirir o Mestinon na Grande São Paulo, pode dirigir-se ao AME Maria Zélia, Rua Jequitinhonha, 360 - Belenzinho - (11) 3583-1900/3583-1838 ou no NGA Várzea do Carmo - Rua Leopoldo Miguez, 327 - Cambuci - Portão 6 - CEP 01518-020 - São Paulo - Telefone: (11) 3555-1155. Nestas unidades, por serem centralizadoras de medicamentos, os miastênicos têm tido mais facilidade em receber o Mestinon, com a possibilidade de ser entregue em casa. Informe-se por telefone ou no local.
Vale lembrar que o Mestinon é nome comercial. Quando dirigir-se à farmácia, você deve ter a receita com o nome do componente especializado, ou seja, Brometo de Piridostigmina.
Caso haja recusa na farmácia ou a negativa ao cumprimento do Protocolo Clínico de Miastenia Gravis, bem como da portaria nº 3.439, devem ser informados na assistência farmacêutica:

  • Em São Paulo - Capital
    Secretaria de Estado da Saúde - Av. Dr. Enéas Carvalho de Aguiar, 188 - Cerqueira César - São Paulo - CEP: 05403-000
    Fone: (11) 3066-8000 ou (11) 3066-8113
  • No Estado de São Paulo
    Ouvidoria da Secretaria da Saúde - envie um e-mail
  • Mais informações: ligue para Disque Saúde 136.
  • Em todo o Brasil
    Disque saúde 0800 61 1997
    Ministério da Saúde
    Esplanada dos Ministérios - Bloco G - Brasilia / DF - CEP: 70058-900

Se ninguém informa onde há problemas de disponibilidade de medicamento, deduz-se que todos os direitos estão sendo respeitados. Faça valer seus direitos!